Pesquisar este blog

27 de set de 2012

Eu quero doce, eu quero bala...

“São Cosme mandou fazer duas camisinhas azuis, no dia da festa dele, São Cosme quer caruru”.

Dia 27 de setembro é o dia da festa das Crianças nas casas de religiões afrobrasileiras, nas quais sacolas de doces são entregues à criançada da comunidade. E é sobre a criançada divina que irei fala hoje. 

16 de set de 2012

O PILÃO DE OXAGUIAN


Hoje, no Axê Ilê Obá (www.axeileoba.com.br) haverá a procissão e o pilão de Oxaguian (Oxalá novo) a partir das 16h. Aproveito para compartilhar a origem dessa cerimônia...
Feminabahia

13 de set de 2012

Nos caminhos de Iansã


Quando montei o blog, a idéia era compartilhar os materiais que tenho sobre mulheres, gênero e cultura afro-brasileira. Agora na reta final do mestrado em que estudo a produção científica de gênero e saúde, participando do Ilú Obá de Min – Mãos femininas que tocam para o Rei Xangô – sendo o tema do próximo carnaval – as Iabás (orixás femininos), não tem como não imergir nas leituras preciosas desses materiais. Na medida do possível, vou compartilhando algumas aqui no blog. Começo então com o texto “Nos caminhos de Iansã: cartografando a subjetividade de mulheres em situação de violência de gênero”.

10 de set de 2012

Oxalá


Oxalá - o senhor da criação, do branco, é alheio a toda violência, disputas, brigas, gosta de ordem, da limpeza, da pureza. Sua cor é o branco e o seu dia é a sexta-feira.





Formação Relações Raciais e Direitos Humanos

A Ação Educativa abre inscrições para o curso “Relações Raciais e Direitos Humanos”. A capacitação, promovida com apoio da Secretaria Nacional de Direitos Humanos, é gratuita e será realizada em São Paulo, na sede da Ação Educativa (Rua General Jardim, 660 - Vila Buarque), a partir do dia 29 de setembro.

5 de set de 2012

Águas de Oxalá


Setembro: mês de Oxalá no ilê que frequento, ou seja, o início do novo ano litúrgico. Vou tentar postar antes de cada festa: o significado e os mitos correspondentes.
Abaixo, segue o calendário de festas no Axê Ilê Obá e um texto sobre a cerimônia “Águas de Oxalá”.